Complexo Histórico Tiradentes da Polícia Militar integra Roteiro Geo-Turístico da UFPA

O Complexo Histórico Tiradentes da Polícia Militar do Estado, localizado na rua Gaspar Viana, no bairro do Reduto, em Belém, integrou o percurso da programação do Roteiro Geo-Turístico “Percorrendo e Revelando Paisagens do Reduto: O Bairro Industrial de Belém da Borracha”, realizado no último domingo (1º), em Belém. O complexo da PM foi o primeiro lugar do roteiro turístico a ser visitado. 

O evento foi desenvolvido dentro do projeto de extensão do Grupo de Pesquisa de Geografia do Turismo da Faculdade de Geografia e do Programa de Pós-Graduação em Geografia (GGEOTUR) da Universidade Federal do Pará (UFPA) e tem o apoio de diversas instituições e entidades. O evento visa difundir o conhecimento sobre o Centro Histórico de Belém, valorizando o patrimônio histórico, artístico e cultural como campo de pesquisa e conhecimento científico.

Os participantes foram recebidos pelo chefe do Museu da PMPA, major Ronaldo Braga Charlet, que também é confrade do Instituto Histórico e Geográfico do Pará (IHGP). O oficial fez uma breve palestra sobre a história da Polícia Militar e apresentou o acervo histórico da corporação. Desde outubro, quando foi inaugurado o Complexo Histórico Tiradentes, o Museu da PM passou a ser incluído no Circuito Estadual de Museus da Secretaria de Estado de Cultura (Secult).  

O Complexo Histórico de Tiradentes reúne, no mesmo espaço físico, as seguintes unidades da Polícia Militar: Companhia Indenpendente de Polícia Turística (Ciptur), Comando de Policiamento da Capital I (CPC I), 28° Batalhão (Batalhão Águia), Museu da Polícia Militar e o 2° Batalhão da PM. 

Além do Complexo da PM, o projeto também percorreu e levou visitantes a diversas ruas do bairro do Reduto  - Municipalidade, Rui Barbosa, O’ de Almeida, Benjamim Constant, Casa do Fauno, na Aristides Lobo, Fábrica Phebo, na Quintino Bocaiuva, e 28 de Setembro –, onde os participantes conheceram de perto indústrias, casarios e as chamadas formas herdadas e desaparecidas e os novos usos destes espaços localizados na capital.

Durante todo o trajeto realizado pelo grupo, uma equipe da Ciptur reforçou o policiamento ostensivo e preventivo durante todo o trajeto feito pelo grupo.

 

TEXTO ASCOM PM

Por: Marilene Alves - TEN CEL PM

        Colaboração: Jefferson Silva - CB PM

Fotos: Divulgação / Ciptur